Cuiabá, 21 de Maio de 2024
Icon search

CUIABÁ

Brasil Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2024, 14:41 - A | A

Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2024, 14h:41 - A | A

MOSQUITO DA MORTE

Rio de Janeiro atinge 49 mil casos de dengue e decreta epidemia

Ana Cristina Campos | Agência Brasil

O governo do Rio de Janeiro decretou nesta quarta-feira (21) epidemia de dengue no território fluminense. O decreto será publicado no Diário Oficial até quinta-feira (22). São mais de 49 mil casos este ano da doença no estado, 20 vezes acima do esperado, com quatro mortes confirmadas. Os números de 2024 já representam 96% de todos os casos registrados em 2023.

O estado anunciou a criação de um Centro de Operações de Emergência em Saúde específico para a dengue, que vai unir todos os setores da saúde, inclusive a Vigilância Sanitária, para dar resposta rápida aos municípios. Além disso, haverá ampliação para 22 salas de hidratação e reforço diário de médicos e enfermeiros nas UPAs estaduais.

O governador do Rio, Cláudio Castro, informou que o estado está com 308 casos para 100 mil habitantes, o que configura uma epidemia.

“Temos uma projeção de aumento de casos para as próximas seis a dez semanas ainda. Num cenário positivo, seis semanas. Num cenário negativo, dez semanas. Nossa previsão é um acumulado até maio na casa dos 150 mil casos. Teremos semanas difíceis ainda”, disse Castro.

 Os principais sintomas da dengue. Foto: Arte/EBC

 
 
Cuiabá MT, 21 de Maio de 2024