Cuiabá, 30 de Maio de 2024
Icon search

CUIABÁ

Cidades Sábado, 03 de Fevereiro de 2024, 09:14 - A | A

Sábado, 03 de Fevereiro de 2024, 09h:14 - A | A

INSCRIÇÃO AQUI

Governo de MT abre inscrições para casas em Cuiabá

Secom-MT

O Governo de Mato Grosso disponibilizou mais 31 casas no Sistema Habitacional (SiHabMT) para a concessão de subsídios do Programa SER Família Habitação para o valor da entrada. Idealizado pela primeira-dama Virginia Mendes, o programa já disponibilizou 338 moradias – entre casas e apartamentos - na região metropolitana de Cuiabá e Várzea Grande, sendo 258 na capital.

Para a primeira-dama Virginia Mendes, o formato do programa vai ajudar muitas famílias a terem imóvel próprio.  “Sonhei com esse programa e a forma como ele foi ampliado para atender as famílias que sonham com a casa própria é fantástico. Quantas famílias em nosso Estado desejam sair do aluguel ou ter o seu lar, porque muitos na maioria das vezes estão morando de favor. As famílias que sonham em adquirir um imóvel já podem dar o primeiro passo, a hora é agora. Esse é o maior investimento em habitação direcionada e pensada de maneira social da história de Mato Grosso”, afirmou. 

 

Desta vez, as unidades habitacionais são no Residencial Villagio Gran Pietra, localizado no Bairro Pedra 90, na região sul da Capital. O empreendimento está sendo construído pela empresa Novance e tem 51,27 metros quadrados de área útil. Cada unidade está avaliada em R$ 228 mil.

Aos selecionados pelo SiHabMT, que é gerenciado pela MT Participações e Projetos S/A (MTPar), serão concedidos subsídios, pagos pelo Governo do Estado no valor de até R$ 20 mil, aplicados à entrada.

Além disso, as famílias que manifestarem interesse podem usar, de forma cumulativa, os benefícios do Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal e ainda os recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), conforme os critérios da Caixa Econômica Federal (CEF).

Vale lembrar que o valor aportado pelo Governo do Estado é igual para todas as famílias, porém o Governo Federal e a CEF possuem metodologias diferentes. Sendo assim, as prestações do imóvel variam entre R$ 409 e R$ 1.750.

O presidente da MTPar, Wener Santos, explica que o público do programa, na modalidade entrada facilitada, são pessoas que podem pagar uma parcela com valor acessível, porém não conseguem juntar o dinheiro da entrada, que costuma ser de aproximadamente R$ 60 mil. Com este programa, as pessoas vão acumulando os subsídios na entrada e, em alguns casos, o valor chega a 0.

SER Família Habitação

O programa Ser Família Habitação está dividido da seguinte forma: faixa 0, 1, 2 e 3. O faixa 0 é para famílias que não possuem renda e estão cadastradas no CadÚnico; o faixa 1 para famílias com renda até R$ 2.640; faixa 2 com renda familiar bruta entre R$ 2.640 até R$ 4,4 mil; e faixa 3, para famílias com renda mensal entre R$ 4,4 mil até R$ 8 mil.

A modalidade entrada facilitada atende as faixas 1,2 e 3. Já a faixa 0 é atendida por casas doadas, cuja construção é coordenada pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

Os interessados em se inscrever nos residenciais ofertados pelo programa devem se cadastrar no site do Sistema Habitacional de Mato Grosso. 

 
 
Cuiabá MT, 30 de Maio de 2024