Cuiabá, 26 de Maio de 2024
Icon search

CUIABÁ

Cidades Quinta-feira, 18 de Janeiro de 2024, 09:35 - A | A

Quinta-feira, 18 de Janeiro de 2024, 09h:35 - A | A

BAHIA ENTUSIASMADA

Negociações para venda dos vagões do VLT Cuiabá-VG ao governo da Bahia avança

Da Redação

As negociações para a venda dos 280 vagões do VLT que seriam implantados em Cuiabá e Várzea Grande está bem avançada. A informação é do secretário-chefe da Casa Civil da Bahia, Afonso Florence (PT). As tratativas estão sendo realizadas em conjunto com o Governo do Estado de Mato Grosso e o grupo de trabalho criado pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

O Governo da Bahia comemora o fim dos 23 processos judiciais envolvendo o VLT Cuiabá/VG. “Já se superou vários pontos. São discussões que têm natureza jurídica entre os entes, entre o governo do Mato Grosso e o governo da Bahia, mediada pelo TCU e pelos Tribunais de Contas de cada um dos estados, e monitorada pelos Ministérios Públicos de Contas de cada estado. Além disso, tem uma dimensão judicial no Mato Grosso, que, se não me falha a memória, havia 23 processos judiciais em curso, mas todos já estão suspensos”, contou o secretário.

Ele também elogiou o estado de conservação dos trens mato-grossenses, que seriam “seminovos”. “O governo da Bahia fez uma avaliação dos trens. Eles são de fato seminovos. Impressionante, o grau de conservação que foi garantido. Nós, agora, estamos prestes a concluir um processo de precificação. Isso é o que eu posso dizer. As outras dimensões necessariamente têm sigilo legal”, disse o chefe da Casa Civil.

Questionado se estava otimista para fechar negócio no grupo de trabalho, Florence despistou, mas respondeu que está “entusiasmado” com a possibilidade de adquirir os vagões.

“Eu não sou nem otimista nem pessimista nunca. Eu sou entusiasmado pela possibilidade de concretizar objetivos que beneficiam a vida da população. E eu estou muito entusiasmado”, concluiu o secretário. As negociações entre os governos da Bahia e do Mato Grosso se arrastam desde agosto, quando o TCU abriu o grupo de trabalho para encontrar uma destinação para o equipamento rodante adquirido pelos mato-grossenses para rodar no VLT entre Cuiabá e Várzea Grande, projeto que nunca saiu do papel.

Caso a compra seja efetivada, o equipamento, 40 trens divididos em 280 vagões que serão utilizados no VLT de Salvador. 

Com informações do Jornal A Tarde

 
Cuiabá MT, 26 de Maio de 2024