Cuiabá, 22 de Julho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Geral Segunda-feira, 17 de Junho de 2024, 19:50 - A | A

Segunda-feira, 17 de Junho de 2024, 19h:50 - A | A

GOLEADA HISTÓRICA

"A gente lavou a alma em casa", diz Clayson após goleada na Arena Pantanal

Da Redação

Em uma atuação histórica, o Cuiabá goleou o Fortaleza por 5 a 0 na Arena Pantanal e deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O resultado deste domingo não foi só a maior goleada da história do time na elite do futebol brasileiro, mas também serviu para elevar a equipe à 14ª posição do Brasileirão, com sete pontos, à frente de clubes tradicionais, como Fluminense, Vasco, Grêmio e Corinthians.

Após a partida, o atacante Clayson não conseguiu conter sua felicidade e disse que ‘lavou a alma’ diante da torcida auriverde. O Cuiabá tinha o pior ataque do Brasileirão, mas a situação mudou completamente. Nos últimos três jogos, o time que não havia marcado nenhum gol fez 11 e passou a ter o oitavo ataque mais efetivo da competição.

"Estou muito feliz. Como se diz: a gente lavou a alma. Voltamos a vencer diante do nosso torcedor. Muito importante, novamente fizemos cinco gols. Construímos a vitória ainda antes das expulsões [do adversário]. É claro que depois optamos em ficar mais com a bola, tentar criar chances mais reais de gol, até mesmo para não se desgastar”, destacou Clayson, em entrevista à beira do campo.

Na avaliação de Clayson, o time deve sua evolução à mudança no corpo técnico, com a chegada do português Petit.

"Acredito que fizemos uma boa partida. A equipe vem crescendo, evoluindo bastante desde a chegada da comissão. É importante demais para a nossa moral, confiança para o decorrer do campeonato e assim alcançar o objetivo na temporada. O grupo todo está de parabéns", apontou.

O técnico Petit elogiou a personalidade dos jogadores e sua capacidade de controlar o jogo. Ele ressaltou ainda que o time já tinha conseguido conquistar uma vitória folgada antes mesmo da sequência de expulsões ao final do primeiro tempo, que deixou o Fortaleza com dois homens a menos em campo.

“Em primeiro lugar, dar os parabéns aos nossos jogadores. Acho que fizemos uma entrada muito forte, onde fizemos três gols, onde tivemos mais duas do Cafu, uma do Pita, que poderíamos ter ampliado o resultado. A equipe é bem, com uma personalidade, a jogar um bom futebol, a não deixar criar situações de perigo por parte do Fortaleza,” afirmou Petit.

Expulso de campo em meio à confusão, Petit minimizou a situação e disse que sua equipe conseguiu ‘se virar’ bem sem ele dando ordens à beira do gramado.

“Faz parte do calor do jogo, depois no túnel é normal isso, também fui jogador. Quando se está a perder de 3 a 0 e com dois expulsos, a cabeça fica um bocadinho quente, mas acho que temos que mais valorizar aquilo que nós fizemos ao longo dos 90 minutos, mesmo depois do 3 a 0 e o jogo controlado, com menos dois jogadores da Fortaleza, a equipe continuou a circular a bola, tentou sempre criar oportunidades”, comentou Petit.

O próximo desafio do Dourado será contra o São Paulo, na quarta-feira, 19 de junho, às 19h, no Morumbi.

 
Cuiabá MT, 22 de Julho de 2024