Cuiabá, 24 de Julho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Geral Sábado, 13 de Março de 2021, 15:01 - A | A

Sábado, 13 de Março de 2021, 15h:01 - A | A

VÍTIMA DA COVID

Governo decreta luto oficial pela morte de Sílvio Fávero

Da redação

O governo de Mato Grosso emitiu nota lamentando a morte do deputado estadual Silvio Favero (PSL), neste sábado (13), aos 54 anos, por complicações da covid-19. O governador Mauro Mendes (DEM) irá decretar luto oficial de três dias, que será publicado no Diário Oficial do Estado. Favero estava internado em uma UTI de um hospital particular em Cuiabá. 

O governador e a primeira-dama Virginia Mendes externaram condolências e desejaram que a família e amigos possam superar a perda com a força de Deus. 

"Favero deixou sua marca na história de Mato Grosso, lutando por aquilo que acreditava ser o certo. Um companheiro do Estado na busca das melhores condições para os mato-grossenses. Eu e minha esposa desejamos força neste momento de luto à toda família e que Deus possa abençoa-lo e recebe-lo de braços abertos", afirmaram. 

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, lembrou que o deputado era bastante atuante e sempre buscava o apoio do Executivo para seus projetos. "Uma perda, com certeza, para todo Mato Grosso. Favero foi um companheiro e também sempre apoiou os projetos do governo em busca do melhor para a população. Estou em oração pela família e amigos". 

Mauro Carvalho destacou as ações e bandeiras do deputado como a expansão das escolas militares, melhoria das condições de trabalho dos policiais e de prestação dos serviços públicos com mais eficiência. 

"Foi dele, por exemplo, a iniciativa para o parcelamento dos débitos em até 12 vezes no cartão de crédito, das dívidas dos contribuintes no Detran", lembrou o secretário, acrescentando que Mato Grosso perde um grande político que trabalhava pelo bem da população. "É um momento de dor", ressaltou. 

O parlamentar estava em seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa e já tinha sido vice-prefeito em Lucas do Rio Verde. Favero deixa esposa e três filhos.

Cuiabá MT, 24 de Julho de 2024