Cuiabá, 23 de Junho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Geral Terça-feira, 21 de Maio de 2024, 19:38 - A | A

Terça-feira, 21 de Maio de 2024, 19h:38 - A | A

TREINOS REFORÇADOS

Petit aproveita 'férias' do Brasileirão para trabalhar pontos fracos do Cuiabá

Da Redação

Com quase um mês de ‘férias’ do Brasileirão, o técnico Petit está aproveitando para trabalhar as principais deficientes que já constatou no time do Cuiabá, em especial as finalizações. A falta de precisão na mira é um problema antigo do Dourado e já custou a vitória na última partida, que terminou empatada em 1 a 1 contra o Metropolitanos, na Arena Pantanal. Além disso, será a primeira oportunidade do técnico ter um tempo prolongado com sua equipe, já que Petit assumiu o comando em meio a agenda corrida, com jogos a cada 2 dias.

Só que a folga do Brasileirão não quer dizer que o time está livre de desafios. O Dourado tem uma sequência de dois jogos decisivos para a Copa do Brasil e a Sul-Americana, valendo a continuidade da equipe nessas competições.

Na próxima quinta-feira, 23 de maio, o Cuiabá enfrentará o Goiás pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. O Goiás venceu o primeiro confronto por 1 a 0, e o Cuiabá precisa reverter o placar em casa para avançar na competição. O técnico Petit enfatizou a importância da partida e destacou a necessidade de ajustes na equipe.

"É claro que tudo faz parte do trabalho, tanto o processo defensivo quanto o ofensivo. No último jogo, na Copa Verde, fizemos quatro gols e poderíamos ter feito mais. Claro que só com dois dias de descanso não podemos trabalhar esses processos de finalizações pois a fadiga está presente nos jogadores. Mas agora com essa pausa vamos trabalhar todos os momentos que achamos que podemos melhorar em cada setor," afirmou.

 

Após o duelo contra o Goiás, o Cuiabá se volta para a Copa Sul-Americana, onde enfrenta o Lanús pela última rodada da fase de grupos. A equipe precisa da vitória para garantir a classificação direta às oitavas de final. O técnico Petit valorizou o volume ofensivo do time na última partida contra o Deportivo Garcilaso, mas ressaltou a necessidade de melhorar a conclusão das jogadas.

"Entramos com a mentalidade de levar a decisão para o último jogo, trabalhamos para isso. O goleiro do adversário foi o homem do jogo, tivemos 24 arremates e sete na direção do alvo. Nós criamos por fora, por dentro, cruzamentos, foi uma pena não conseguirmos finalizar. Mas ficaríamos mais preocupados se não conseguíssemos criar situações de gol. Merecíamos os três pontos pelo que fizemos ao longo do jogo, mas o time mostrou a mentalidade que eu quero, a ambição de lutar sempre pelos três pontos. Mas às vezes quando não se dá pra ganhar, não se pode perder. Vamos para a fase seguinte satisfeitos com o comportamento dos jogadores e pela qualidade," disse o treinador.

O técnico também destacou a importância da pausa no Brasileirão para aprimorar o desempenho da equipe.

"A pausa no Brasileirão vai ser fundamental para trabalhar as finalizações e realizar os ajustes necessários. Se não houver mudanças, o Dourado volta a campo pela Série A somente no dia 2 de junho, contra o Fortaleza, na Arena Pantanal," completou.

Com uma agenda cheia e confrontos decisivos, o Cuiabá busca manter o foco e a determinação para alcançar os objetivos traçados nas competições. A torcida espera que a equipe consiga reverter o placar contra o Goiás e garantir a classificação na Copa Sul-Americana, mostrando a evolução e o potencial do time sob o comando de Petit.

 
 
Cuiabá MT, 23 de Junho de 2024