Cuiabá, 22 de Maio de 2024
Icon search

CUIABÁ

Polícia Quarta-feira, 10 de Janeiro de 2024, 09:10 - A | A

Quarta-feira, 10 de Janeiro de 2024, 09h:10 - A | A

INÍCIO DO CONFLITO

Jovem assassinada em Sorriso foi uma das primeiras vítimas da Guerra de Facção

Da Redação

Victória Maria, de 24 anos, foi uma das primeiras vítimas da então conhecida Guerra de Facção. O fenômeno, que fez a cidade de Sorriso despontar como a sexta cidade mais violenta do país, é protagonizado pelas facções criminosas Comando Vermelho e Primeiro Comando da Capital. Uma ossada, possivelmente da jovem, foi localizada na noite desta segunda-feira (09), em um matagal no bairro Mário Raiter, palco de outros crimes bárbaros do município.

A constatação da vítima ter sido morta no começo da Guerra de Facções, foi dada pelo delegado Bruno França, da divisão de homicídios do município de Sorriso, em entrevista à imprensa local.

“Esse crime ele ocorreu no início da guerra de facção, esse crime é de outubro de 2022 e tem ligação direta com a Guerra de Facção. A vítima era envolvida com organização criminosa”, atestou o delegado.

Nas palavras do delegado, a Polícia Civil já tem a ideia de como o crime ocorreu, bem como os envolvidos na execução. A investigação espera agora materializar os fatos com os vestígios encontrados no local para que os envolvidos sejam levados à Justiça.

Segundo a perita criminal Aline Vieira, que também deu entrevista à imprensa local, o local onde foi localizada a ossada também é o local da execução, pois foi encontrado vestígios balísticos.

A perita diz que o corpo estava com uma marca de tiro na região da cabeça.

Leias mais sobre o caso aqui: Polícia encontra ossada de possível jovem desaparecida há mais de um ano

 
 
Cuiabá MT, 22 de Maio de 2024