Cuiabá, 18 de Maio de 2024
Icon search

CUIABÁ

Política Quinta-feira, 14 de Março de 2024, 07:23 - A | A

Quinta-feira, 14 de Março de 2024, 07h:23 - A | A

SERVIDORES COMEMORAM

Emanuel "enterra" decreto de Stopa que acabava com horas extras e PCCS

Da Redação

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB) revogou na quarta-feira, 13 de março, o decreto do seu vice, José Roberto Stopa (PV), que assumiu o Palácio Alencastro na semana passada por apenas 5 dias, depois do afastamento do titular após uma decisão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

No decreto, Stopa tentou realizar uma série de ajustes financeiros para economizar até R$ 20 milhões no ano.

Entre as medidas estava a suspensão de reestruturação ou qualquer revisão de planos de cargos e salários dos servidores e empregados públicos da Administração Direta do Município. Também continha a suspensão de majoração de carga horária de qualquer espécie e a suspensão de realização de horas extras.

Conforme apurou à reportagem, os servidores do município comemoraram a decisão.

 
 
Cuiabá MT, 18 de Maio de 2024