Cuiabá, 18 de Junho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Política Quarta-feira, 28 de Setembro de 2022, 18:33 - A | A

Quarta-feira, 28 de Setembro de 2022, 18h:33 - A | A

DECISÃO JUDICIAL

Juiz determina remoção de conteúdo difamatório de deputado Ulysses contra Professor Allan

Assessoria

O juiz eleitoral da propaganda, Fábio Henrique de Moraes Fiorenza, determinou a remoção de conteúdo difamatório em rede social do candidato Ulysses Moraes contra o deputado Professor Allan Kardec (PSB-MT).

O magistrado também deteminou que o parlamentar se abstenha de publicar e compartilhar novas mensagens com conteúdo semelhante, sob pena de multa diária de R$ 1.000 (um mil reais). A decisão de quarta-feira à noite (27/9) é uma liminar e atende representação da defesa do Professor Allan Kardec (PSB-MT), candidato a deputado federal.

 

"Entendo que há indícios de que o representado tenha incorrido em uma afirmação de caráter difamatório e injurioso, haja vista que induz a ideia de que o autor da representação apoia pessoas que cometem crimes como roubo, homicídio e estupro - pois foram esses os crimes citados no
início da fala do representado - em razão de um 'carinho especial' ou uma 'tara' ", escreve o juiz na decisão.

O Professor Allan Kardec já chamou o deputado Ulysses Moraes para um debate sério e com soluções concretas para a população carcerária no podcast "Tudo Menos Política", em ligação ao vivo transmitida pelo canal.

"Agradeço mais uma vez a Justiça Eleitoral pela decisão correta, ao entender que o candidato deputado Ulysses Moraes distorce os fatos, me ataca e faz trucagens. E isso não faz parte do debate político. Já pedi para o deputado debater comigo, mas ele prefere esses ataques", avalia o Professor Allan.

"Vamos continuar a dialogar de forma honesta e direta com a população para apresentar soluções concretas para a vida delas. E não ficar atrás de cliques nas redes sociais. Eleitor, compare nossos serviços prestados como vereador de Cuiabá, Deputado estadual e secretário de Estado. E faça sua escolha livre", recomendou o Professor Allan.

Nesta semana, Ulysses divulgou conteúdo ofensivo contra Kardec sobre legislação de política social de remuneração a familiares de reeducandos, lei de iniciativa do governo Mauro Mendes que o Professor Allan Kardec apoia.

 
Cuiabá MT, 18 de Junho de 2024