Cuiabá, 22 de Maio de 2024
Icon search

CUIABÁ

Política Sábado, 24 de Fevereiro de 2024, 12:42 - A | A

Sábado, 24 de Fevereiro de 2024, 12h:42 - A | A

"CIDADE NO BURACO"

Mauro afirma que situação em Cuiabá é muito mais grave que qualquer disputa de apoio

Da Redação

O governador Mauro Mendes (União) declarou que a situação de Cuiabá está muito mais grave e merece muito mais atenção do que qualquer disputa de apoio entre políticos. A fala foi dita na manhã deste sábado (24), durante uma coletiva de imprensa para a entrega da Estação de Tratamento de Água (ETA) da Barra do Parri, na manhã deste sábado (24), no bairro Chapéu do Sol, em Várzea Grande.

A fala de Mauro veio após ele ser questionado por jornalistas sobre como vai ficar o apoio de Fábio Garcia, secretário da Casa Civil, a Eduardo Botelho, presidente da ALMT e candidato escolhido pelo União Brasil, no lugar do secretário para disputar a prefeitura de Cuiabá.

“O problema de Cuiabá é muito mais grave, muito mais relevante que ficado discutindo apoio de A, apoio de B, vice, et cetera e tal. Vamos discutir Cuiabá, vamos discutir a grave solução que esse problema que essa cidade tem e quais as soluções. Essa tem que ser a grande discussão nesse momento e lá ficar discutindo se A, se B apoia que partido. Isso vai ter tempo. Tempo ao tempo. Nós tivemos o tempo da definição de quem seria o candidato do União ao Brasil. Agora nós temos que começar a debater a cidade. Eu já pontuei isso, na minha opinião, para o candidato do União Brasil, ele concordou e nós vamos agora começar um debate sobre Cuiabá sobre os seus graves e gravíssimos problemas”, disse o governador.

Há dois dias, Fábio Garcia disse que foi leal ao partido até o final, mas afirmou que não queria ser cobrado mais por lealdade. Leia mais aqui: Garcia nega que conversa todos os dias com Eduardo Botelho

Ainda em sua fala, o governador afirmou que pode demorar anos para que Cuiabá "saia do buraco". Além disso, o governador disse que Cuiabá e a gestão municipal foi posta em um "bueiro".

"Eu já disse isso muitas vezes, inclusive para o Botelho e para o Fábio. O caos que está em Cuiabá vai demorar, talvez vários e vários anos para tirar do buraco, né? Do bueiro do lamaçal que foi colocado à cidade e a própria gestão, mas um trabalho Sério, com honestidade. Com fé em Deus, nós haveremos de conseguir", finalizou Mauro.

 

 
 
Cuiabá MT, 22 de Maio de 2024