Cuiabá, 22 de Julho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Polícia Quinta-feira, 22 de Abril de 2021, 17:27 - A | A

Quinta-feira, 22 de Abril de 2021, 17h:27 - A | A

PUXADO PELO REBOJO

Bombeiros mudam estratégia de busca em rio para encontrar adolescente

Fernanda Renatè

Equipes do Corpo de Bombeiros que tentam encontrar Heitor Guilherme, 17, que se afogou na praia da Rapadura, em Barra do Garças (520 km de Cuiabá) mudram a estratégia de busca. O adolescente foi puxado por um remoinho de água nessa quarta-feira (21) e ainda não foi encontrado. 

Leia mais: Adolescente é puxado por "rebojo" e desaparece em rio

A reportagem do Estadão Mato Grosso conversou com o Capitão Bombeiro Militar da 1ª CIBM, Leandro Cuiabano Kunze, que explicou o motivo da mudança na estratégia de buscas.

“A equipe de mergulho não vislumbra mais efetividade na operação de mergulho, uma vez que o rio está muito raso e não permite mergulho nos padrões que este tipo de busca requer. No entanto, também não está tão raso para fazer buscas caminhando. Então optamos por mudar a estratégia e ao invés dos bombeiros mergulhadores foram colocados dois barcos de buscas que continuam as buscas até o final do dia”, explicou o capitão.

De acordo com informações, os familiares da vítima também estão no local auxiliando os bombeiros. 

Caso o jovem não seja encontrado até final da tarde desta quinta-feira, as buscas serão retomadas na manhã desta sexta (23).

O CASO

Heitor desapareceu na praia da Rapadura, no rio Garças, após ser puxado por um remoinho de água. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a vítima e outro jovem, de 18 anos, tomavam banho nas margens do rio, em um local raso e em determinado momento, os dois acabaram sendo puxados pelo "rebojo". O jovem de 18 anos conseguiu nadar até as margens, mas Heitor não conseguiu nadar e submergiu.

Cuiabá MT, 22 de Julho de 2024