Cuiabá, 22 de Julho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Polícia Sábado, 20 de Março de 2021, 11:20 - A | A

Sábado, 20 de Março de 2021, 11h:20 - A | A

ASSISTA O ATO DE BRAVURA

Cabo é a 1ª policial feminina a ser promovida por ato de bravura na PMMT

Jefferson Oliveira

A cabo Claudia Kafer, que atualmente está lotada na 11ª Companhia Independente de Polícia Militar em Colniza (1.065 km de Cuiabá), foi promovida a 3º sargento na instituição por ato de bravura. Claudia é a primeira mulher a receber promoção por bravura na PM de Mato Grosso.

O comandante geral da Polícia Militar Jonildo José de Assis, disse que o feito de Claudia mostra a preparação do policial no estado, e que a militar foi cirúrgica em sua ação.

“Ela estava de folga e mesmo assim, ao ver a situação de possível homicídio, ela interviu de forma enérgica, padrão e cirúrgica. Atirou na perna do suspeito e prendeu ele. Isso mostra toda a técnica e destreza dessa policial em um momento de crise como esse. Isso mostrou que ela atuou com bravura e é merecedora dessa promoção”, disse o comandante ao Estadão Mato Grosso.

Já a cabo Claudia que está há 11 anos na PMMT, e na época do fato ainda era soldado, falou que o momento é especial e também é um orgulho neste momento representar todas as policiais femininas do estado, que trabalham arduamente para proteger toda a população.

"Estava de folga e me deparei com essa situação (tentativa de homicídio), não dá tempo de pensar, só agir. E minha ação e intervenção salvou uma vida. Um reconhecimento institucional dessa magnitude "Promoção por Ato de Bravura" demontra o quanto a Polícia Militar valoriza seus policiais. É uma honra poder representar nossa classe e saber que sou a primeira mulher policial militar do nosso estado a receber tal honraria", falou Claudia à nossa reportagem.

Ainda em 2019, Claudia foi recebida no Quartel do Comando Geral da PMMT, pelo coronel Assis, e seu ato reconhecido formalmente com uma ‘Menção Elogiosa’. Para receber a promoção, o comandante do 8º Comando Regional onde a militar atua, encaminhou o ato para o Comando Geral, onde o caso foi avaliado pelo conselho dos coronéis, e aberto um procedimento de promoção por bravura.

Foi criada uma comissão que juntou todos os fatos no dia do caso, avaliou e remeteu novamente ao conselho de coronéis que aprovou a promoção de Claudia.

A promoção de Claudia, foi publicada em uma edição extra do Diário Oficial de Mato Grosso (DOE-MT), que circulou no dia 18 deste mês. 

O caso:

A policial de folga estava em uma sorveteria no dia 03 de novembro de 2019 comprando uma garrafa de água, quando chegou ao local um homem armado com um facão na garupa de uma motocicleta.

O suspeito de 21 anos identificado pelas iniciais C.S.R., desceu da motocicleta e foi em direção a vítima que estava sentada de costas e começou a ataca-la com golpes de facão. A policial vendo a situação imediatamente pediu que o suspeito largasse o facão.

Mesmo com Claudia se identificando como policial militar, o criminoso continuou atacando a vítima. Para evitar o possível homicídio, Claudia atirou na perna do suspeito que acabou sendo detido.

Toda a ação de Claudia foi filmada pelo circuito de videomonitoramento da sorveteria.

Cuiabá MT, 22 de Julho de 2024