Cuiabá, 24 de Junho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Política Sexta-feira, 14 de Outubro de 2022, 10:14 - A | A

Sexta-feira, 14 de Outubro de 2022, 10h:14 - A | A

FORA DAS PRIORIDADES

Virgínia descarta visita de Michelle Bolsonaro a MT; foco é em estados com baixa votação

Da Redação

A primeira-dama do estado, Virginia Mendes, negou a possibilidade de visita da primeira-dama do país, Michelle Bolsonaro, a Mato Grosso durante a campanha de segundo turno da eleição. Virginia entrou em contato com Michelle na quinta-feira, 13 de outubro, e foi informada que a programação no estado não está cogitada.

A deputada federal eleita Amália Barros (PL), que foi 'amadrinhada' por Michelle Bolsonaro durante o primeiro turno da campanha, também negou a visita da primeira-dama ao estado.

 

A possibilidade de agenda de Michelle foi anunciada pelo empresário Reinaldo Moraes durante reunião na sede do União Brasil, na qual foram traçadas estratégidas para aumentar a votação de Jair Bolsonaro (PL) em Mato Grosso.

Em nota, Virginia destaca que a vinda de Michelle seria ótima para reforçar o apoio dos cristãos e mulheres. Porém, a estratégia de campanha do candidato à reeleição é concentrar em locais onde recebeu menor votação. Em Mato Grosso, Bolsonaro teve 1.102.866 votos no primeiro turno, o que representou 59,84% do total.

“Michelle é muito querida e as pessoas querem estar perto dela. Porém, a estratégia da campanha é concentrar a mobilização onde o percentual do presidenciável foi menor, e aqui no estado o atual presidente obteve 59,84%”, destacou.

Empenhada na campanha do Bolsonaro, Virgínia Mendes tem mobilizado os internautas para que ajudem na busca por votos. Em uma de suas publicações, ela destacou a importância da consciência na hora da escolha do candidato.

“Precisamos ter consciência de que uma nação livre e soberana, que busca incentivar seus cidadãos a progredir, é o caminho certo para que brasileiros vivam com mais dignidade”, disse.

“Trabalhamos muito aqui em nosso estado para que o presidente fosse reeleito no primeiro turno e vamos trabalhar muito mais agora. Precisamos escolher alguém que olhe pelo povo brasileiro com responsabilidade, que tenha fé em Deus, que valorize as religiões, que acredite na família e que é contra a corrupção”, enfatizou.

 
Cuiabá MT, 24 de Junho de 2024