Cuiabá, 21 de Junho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Brasil Quinta-feira, 22 de Dezembro de 2022, 10:41 - A | A

Quinta-feira, 22 de Dezembro de 2022, 10h:41 - A | A

BLOQUEIOS E ACAMPAMENTOS

75% dos brasileiros são contra atos golpistas, aponta pesquisa

g1

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (21) pelo jornal "Folha de S.Paulo" aponta que 75% dos brasileiros são contrários aos atos antidemocráticos de radicais bolsonaristas que não aceitaram o resultado da eleição presidencial.

O instituto perguntou aos entrevistados se eles eram a favor ou contra os atos realizados por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, que bloquearam rodovias de forma ilegal nos dias posteriores ao segundo turno e ainda mantêm acampamentos em frente a quartéis para pedir intervenção militar, o que é inconstitucional.

 

O resultado:

A favor: 21%
Contra: 75%
Indiferente: 3%
Não sabe: 1%

A pesquisa ouviu 2.026 pessoas em 126 municípios nos dias 19 e 20 de dezembro e tem margem de erro de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Entre os que dizem ter votado em Bolsonaro no segundo turno, 50% são contrários aos atos golpistas dos apoiadores do presidente. Entre os eleitores de Lula, o índice chega a 96%.

Na região que soma Centro-Oeste e Norte, o apoio aos atos golpistas atinge seu patamar mais alto: 29% são a favor, e 65%, contra. No Nordeste, apenas 14% se dizem favoráveis, e 83% são contrários.

Entre os entrevistados que se declaram como católicos, 80% são contrários aos atos. No grupo dos evangélicos, o índice é de 65%.

78% das mulheres e 73% dos homens rejeitam a mobilização dos radicais.

Na faixa de renda mais baixa, de quem recebe até dois salários mínimos, 81% são contrários. Entre quem ganha até dez salários, 51%.

Punição

De acordo com a pesquisa, 56% dos entrevistados consideram que as pessoas que pedem golpe militar nesses atos devem ser punidas, porque precisam respeitar a Constituição. Outros 40% avaliam que elas não devem ser punidas, porque têm o direito de se manifestar contra a democracia. 4% não souberam responder.

A favor de punições: 56%
Contra punições: 40%
Não sabe: 4%

Bloqueio de perfis

O Datafolha também apontou que a maioria dos brasileiros é contra medidas tomadas pelo Judiciário para bloquear perfis e contas em redes sociais de pessoas que atacam a democracia: 63% dizem ser contrários a esse tipo de ordem judicial, 32% se declaram a favor, e 3% não sabem responder.

 
Cuiabá MT, 21 de Junho de 2024