Cuiabá, 22 de Julho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Política Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 09:36 - A | A

Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 09h:36 - A | A

DE OLHO NA CAMPANHA

Parceria público-privada é solução para falta de água em VG, defende Flávia Moretti

IconePress | Assessoria de Imprensa

“O povo precisa de água, não dá para viver sem água, e infelizmente em Várzea-Grande falta vontade política para resolver esse problema de uma vez por todas”, disparou a pré-candidata Flávia Moretti (PL), durante entrevista ao Jornal do Meio Dia desta quarta-feira (18). A liberal afirmou que é preciso resolver o problema histórico do abastecimento de água no município, resultado de uma administração pública ruim.

Ao ser questionada sobre como resolveria o problema da falta de água, que persiste na cidade nos últimos 40 anos, Flávia relembrou que o Novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal, possibilita a participação da iniciativa privada, e que a Parceria Público-Privada (PPP) é a melhor opção para findar o problema.

“Quem diz que não é possível usar a PPP para resolver o problema da água está muito enganado. Tanto é possível que no Mato Grosso do Sul isso já é feito e o novo PAC permite investimento privado por meio de concessões. Falta vontade política para entregar água ao povo e usam isso para barganhar a continuidade no poder, sempre prometendo e nunca cumprindo”, ponderou.

“A questão do esgotamento sanitário também deve ser prioridade, vemos nos bairros esgoto correndo à céu aberto e jogado in natura no Rio Cuiabá, isso é um descaso sem tamanho com a população e o meio ambiente”, completou.

Em outro momento da entrevista, Flávia reforçou sua preocupação com as mulheres de Várzea Grande. “Pretendo criar uma Secretaria específica de políticas para as mulheres, Cuiabá tem tantos bons exemplos para as mulheres, porque Várzea Grande não pode. Mulheres chefes de famílias, mãe de famílias atípicas, vítimas de violência doméstica, e em estado de vulnerabilidade precisam de um olhar diferenciado para essa questão e por isso pretendemos criar uma pasta específica para as mulheres”, pontuou Flávia.

 
Cuiabá MT, 22 de Julho de 2024