Cuiabá, 16 de Julho de 2024
Icon search

CUIABÁ

Política Sexta-feira, 25 de Junho de 2021, 15:26 - A | A

Sexta-feira, 25 de Junho de 2021, 15h:26 - A | A

PIRES NA MÃO

Max Russi vai à Casa Civil cobrar pagamento de emendas parlamentares

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Max Russi (PSB), foi nesta sexta-feira (25) até a Casa Civil cobrar do secretário Mauro Carvalho pelo o pagamento das emendas parlamentares dos deputados.

Segundo Max, até o momento, o governador tem cumprindo com as emendas parlamentares, até porque são emendas impositivas. No entanto, a reunião com o secretário foi marcada para tratar sobre o avanço dos pagamentos, pois o primeiro semestre já está encerrando e obras importantes precisam ser efetivadas, principalmente no interior do estado.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba as notícias em tempo real (clique aqui).

“As emendas de cada deputado são em torno de R$ 7 milhões, sendo 25% para a Educação, parte para a Saúde, para Esporte, Cultura e 50% destinação liberada que são as obras de infraestrutura. Então, o governo precisa avançar, pelo menos nestes seis primeiros meses com o pagamento e conclusão de 50% destes projetos”, explicou Max.

Além de tratar sobre as emendas parlamentares, o presidente disse que foi discutir sobre projetos que estarão em pauta na próxima sessão, como um projeto da Educação que será votado nas duas últimas sessões do semestre.

Já na quarta-feira (30), de acordo com Max, serão apreciados mais de 30 vetos e a sessão deve durar todo o dia com debates entre os parlamentares. O presidente falou que a maioria dos deputados já confirmou presença nas duas últimas sessões para votarem todos os projetos e vetos pendentes.

Max Russi garantiu que vai zerar todas as pendências antes do recesso parlamentar que começa no dia 30, com previsão de retorno das atividades no próximo dia 03 de agosto.

Cuiabá MT, 16 de Julho de 2024